Kansas City, KS - EUA / Jaraguá do Sul, SC - BR

4 de dezembro de 2012

P&R - E o inglês? + Novidades # 43


Oi gente! O post de hoje vem com umas pequenas novidades, e vou responder a pergunta da Joyce! Já vou avisando que o post de hoje vai ficar um pouco comprido...desculpem! =/

Primeiro um pouquinho sobre o famoso Thanksgiving. Pra quem está no Brasil e nunca viveu essa experiência, realmente é como se fosse o Natal, mas sem presentes. A família fica unida, tem peru, tortas, e várias sobremesas. Eles chamam de jantar, mas acontece geralmente no meio da tarde – o nosso foi às 14h, mas tive amigas que tiveram o jantar às 15h, 16h, 18h...então depende muito da família. Meus hosts definiram a diferença entre Natal e Thanksgiving como: no primeiro as pessoas só pensam em presentes, e no segundo elas pensam na família. Por isso os americanos gostam mais do Thanksgiving!
Minha host family e eu, no Thanksgiving
Bom, começando com a minha aventura aqui, fui pra Black Friday ver qual era! Eu não vou me prolongar muito porque já fiz um post sobre esse assunto no WallPair. Algumas lojas, como Target, Wallmart e alguns outlets abrem a partir das 20h já de quinta-feira. Eu sai pras compras às 22h de quinta e voltei pra casa às 8h de sexta...enquanto vocês no Brasil viram a noite na balada, eu viro a noite fazendo compras! Hahaha! Foi muuuuito cansativo, mas eu fui com uma outra au pair da Sérvia, e fomos em um outlet com muuuitas lojas, e tinha muita gente, então foi demorado! Passei pela Target e Walmart também, e na tarde de sexta fui em um shopping ver como estavam as promoções lá – melhores que do outlet.
Concluindo, achei que os preços estavam meia boca, nada muito “UAU” como dizem não...o que notei um preço muito bom foram em algumas televisões, DVD players, Xbox (que por sinal comprei), e mais umas coisinhas. De resto, as promoções são boas se você for comprar muita coisa, porque dai ajuda. Mas pra uma coisa ou outra só, não compensa o esforço de ir pras lojas à meia noite. Ah, e a famosa Best Buy estava com filas enormes!!! Aquilo que eu via na televisão e na internet, com filas quilométricas, é super verdade!!! Passamos, antes da meia noite, por duas Best Buy, e as filas estavam inacreditáveis. Tem muita gente doida... Eu não fiquei em nenhuma fila, tá gente? Hehe! Quem quiser saber detalhes da Black Friday, tem no post nesse link aqui: http://wallpair.blogspot.com/2012/11/black-friday-uma-aventura.html – que fiz no WallPair. Só terminando respondendo a pergunta da Niil no post de lá, o preço normal do Xbox 4Gb com o Kinect é $ 300, em promoção atualmente você encontra por $ 250, e na Black Friday a promoção era por $ 199. O Xbox de 250Gb com Kinect em promoção você acha por $ 350, e o preço normalmente é $ 400.
Abastecidas pra Black Friday!
Estrago da Black Friday - Saldo: positivo!
Black Friday

Agora vamos às perguntas e respostas =)


13. Eu queria saber como era o seu inglês antes de vc ir?? ...tenho medo de ficar pra trás pq meu inglês não é bom sabe .. Eu estudo, estudo, mas ainda tenho dificuldades. Por outro lado, vejo que há várias familias que pegam meninas com o nivel básico. Me conta sobre o seu ingles e me dê uns toques por favor?? - Joyce Matozinho

Bom, essa é uma pergunta que praticamente todas as meninas antes de vim perguntam “e o inglês?”. Eu vou falar de mim...
Estudei inglês por vários anos, mas parei meu curso em 2000, porém, continuei estudando no colégio – estudava em colégio com método Positivo, então tive inglês todos os anos, do pré ao terceirão. Mas vocês sabem como é inglês no colégio, né? Pouca coisa de gramática, muito vocabulário, e poucas aulas também. Então eu fiz um curso fora também, em uma das escolas mais conhecidas, e só parei porque as aulas se tornaram monótonas demais pra mim e eu chegava a dormir nas aulas já, então quando vi que não estava mais rendendo, eu parei. De 2004 (quando terminei o terceirão) a 2010 eu nunca mais ESTUDEI inglês...meu contato com o inglês era somente com manuais, jogos de vídeo-game/computador, algumas coisas na internet, e fim. Quando resolvi ser au pair, no início de 2011, achei uma professora particular na minha cidade e comecei a fazer aulas com ela, fiz 10 aulas. Por muita coincidência, ela tinha sido au pair já também – mas em outro país, então ela me deu até dicas de au pair e dicas de termos usados com as crianças ou músicas. As aulas foram mais pra eu retomar o inglês que eu já tinha aprendido, mas tinha esquecido. E foi como andar de bicicleta...a gente nunca esquece! Expliquei a situação pra ela e que queria umas coisas importantes pra relembrar, e nessas 10 aulas ela me ajudou com a gramática e o vocabulário. Achei pouco somente 10 aulas, mas era o que o dinheiro dava nessa época.
Ah, só pra conhecimento, quando eu fui na agência fazer o teste de inglês, eu ainda não tinha feito essas aulas particulares! Eu fui lá pagar, e ai a agente me entregou o teste e falou “não quer fazer já?”, e eu falei que não estava preparada..ai ela disse pra eu fazer sem compromisso, se eu alcançasse o mínimo, estaria dentro. Caso contrário, poderia estudar e voltar pra fazer o teste depois. Então eu topei e fiz – e consegui! Eu fiz com a certeza de que teria que fazer de novo, mas não! E fiquei super feliz :) não lembro exatamente, mas era mais ou menos assim: 80 questões (múltipla escolha), se acertasse menos de 40 não passava, de 40 a 50 passava como nível médio, e acima de 50 com níveis melhores. E eu fiquei nesse nível médio...acertei umas 45, 48, por ai (já faz mais de um ano, não lembro gente!). E ai eu perguntei pra ela se não poderia fazer depois pra tentar ir melhor, e ela disse que não precisava, porque isso não media nada, era só pra dizer se você poderia se inscrever já, ou teria que estudar mais =P
Bom, eu estudei um bocado em casa durante esse tempo – inscrição até ficar on. O application me ajudou também, pois precisava de muitas palavras que nunca tinha usado antes, e tinha que usar o dicionário, então foi ajudando. Enquanto isso eu fiz um cadastro no GAP (meninas, muita gente me pergunta como usa o GAP, eu já fiz um post no WallPair, e aqui segue o link pra quem tiver interesse: http://wallpair.blogspot.com/2012/08/aprendendo-usar-o-gap.html). Esse cadastro que eu fiz foi gratuito, e eu não fiz pensando em encontrar família por lá não (eu nunca iria sem agência), mas sim pra ir treinando o inglês. Eu cheguei a falar com mais de 20 famílias por e-mails, e com 3 por Skype. Muitas famílias eu troquei muitos e-mails, e isso foi me ajudando tanto com o inglês, quanto me preparando pra quando eu falasse com alguma família pelo meu perfil da agência. Os e-mails e os Skypes que tive pelo GAP foram ótimos! Eu travei muito no inglês nos Skypes, não entendia bulhufas, e por ai foi...mas isso foi me preparando muito! Quando eu fiquei on e conversei com as famílias, eu falei com 5 ou 6, mas só tive Skype com a minha atual. E foi super tranquilo =) eu não entendi 100% e não entendo até hoje, mas entendi eles e eles me entenderam – e elogiaram meu inglês! Pensa em alguém feliz, né? Achando que o inglês tava péssimo e recebe elogio direto de americanos! _o/
Quando cheguei aqui, eu tinha dificuldades pra entender, meu listening nunca foi bom, na escola de inglês eu nunca conseguia fazer os exercícios de listening! :( ai conversei com eles e pedi pra eles falarem mais devagar comigo, e com o tempo o ouvido foi acostumando. No começo eu tinha que pedir muitas vezes pra eles repetirem o que falavam, ou me explicar o que eram certas palavras, porque eu realmente não sabia. Hoje em dia – estou aqui há 5 meses e quase 2 semanas – eu entendo muito bem, e muuuuuito raramente eu peço pra alguém repetir as coisas. A não ser que seja num restaurante ou banco, por exemplo, que as pessoas falam super rápido! Mas com a host family ou amigos-conhecidos, eu tenho me comunicado muito bem! E quando não sei uma palavra, consigo explicar de outro jeito também, até que me entendam! =P

Agora uma coisa que me deixou feliz com meu inglês: Estava eu, linda e bela, em um sábado off caçando algo pra comer no café da manhã e minha host aparece, de pijama, e me pede pra sentar – isso lá na cozinha mesmo. Na noite anterior eu tinha trabalhado e o baby vomitado, e eu gelei na hora e pensei “putz, aconteceu algo!”, mas esperei ela falar. Ela me perguntou se eu estava gostando, se estava bem, se estava triste, se precisava de ajuda com alguma coisa, etc, etc, e etc. Falou que qualquer problema eu posso conversar com ela, que se eu estiver triste eu posso chamar ela, que se eu tiver dificuldade com alguma coisa eu posso pedir ajuda pra ela, que ela está aqui pra me ajudar – gente, eu achei ela TÃO fofa, mas TÃO fofa, que enquanto ela falava, meus olhos encheram de lágrimas – e os dela também, mas não choramos! Hehe! E ai, no meio disso tudo, ela elogiou muito o meu inglês, falou que eu falo muito bem, que quando conversamos assim “sem compromisso”, sem pressa, eu me saio bem demais e raramente cometo erros. Só quando ela me pergunta coisas que eu fico meio “nervosa” (não sei se é essa a palavra a ser usada, mas enfim) ou quando to com pressa, que eu me engasgo um pouco e troco as bolas, mas geralmente eu mesma percebo meu erro e já me corrijo sozinha. Ela elogiou bastante, disse que eu melhorei DEMAIS desde que cheguei. Fiquei super feliz! =)) e na semana seguinte a minha LCC me ligou pra saber como as coisas estavam, e no meio da ligação ela elogiou meu inglês! _o/ ou seja, foi a semana de ficar boba né? Achando que falava super bem, huauhauha! Agora, falando sério, fiquei muito feliz mesmo em saber que nesses 5 meses eu tive melhoras significativas! =) eu sei que não vou sair dos EUA com o inglês que eu queria, porque por mais que eu estude, não tenho tanto contato com pessoas que falam inglês...eu cuido na maior parte do tempo de um baby, e as au pairs aqui são na grande maioria brasileiras. Às vezes até deixo de sair só pra ficar com os hosts, assim eu falo inglês, ou pelo menos assisto algo em inglês ou leio um livro.
Eu estou lendo meu segundo livro em inglês e tenho acompanhado a série “How I Met Your Mother”, e quero começar a acompanhar mais alguma em breve. To me sentindo super bem de estar conseguindo acompanhar, tanto as séries e a TV, quanto os livros! Claro que comecei com livros fáceis (coleção “Diary of a Wimpy Kid” e coleção da Judy Blume), mas já estou com Hunger Games e Harry Potter do lado da minha cama!
Primeiro livro em inglês que li
Ah, sobre os livros...esse da foto foi o que li primeiro, e não precisei usar o dicionário em nenhum momento pra entender a história, mas eu anotei várias palavras que pra mim eram novas ou que eu não lembrava o significado exato, pra pesquisar quando terminasse o livro, só pra aprender mais vocabulário! O primeiro livro que tentei ler foi Hunger Games e depois Harry Potter, mas eu precisava pegar o dicionário porque tinham frases que eu realmente não entendia o sentido - por isso deixei eles do lado da cama e comecei com livros juvenis - consequentemente mais fáceis.

Bom, eu avisei que o post ficaria grande, né? Desculpem =P mas é pra compensar a demora pra atualizar! Ando meio sem tempo/paciência pro computador ultimamente! Espero que gostem do post! :)
Adicionei uma pergunta e um complemento em outra pergunta, porque a Pam deixou nos comentários de posts anteriores. Se alguém tiver mais alguma pergunta, pode deixar nos comentários pra mim que eu adiciono aqui se achar que tenho algo a escrever sobre ela!


Série "Perguntas e Respostas":

1. Dá pra levar mil dólares em mãos? O que é esse VTM? - Maria Eugênia
2. Assim que chegar ai quero comprar uma cam profissa e um note tbm. Pensei em levar money daqui, mas acho que não compensa neh?! - Bruna Totti
3. E achei muito interessante a questão do preço das roupas, tudo muitooo barato? Meu sonho é comprar muita blusinha de marca quando chegar aí. - Unknown
4. Será que mais para frente vc poderia fazer um post sobre como vc fez a conta no banco daí e toda essa parte financeira de quando já se está nos EUA? - Jú Lima
5. Vc podia fazer um post contando mais sobre como é cuidar de baby ne?! - Bruh G.
+ Como está sendo cuidar de baby? Como é pra fazer a comida com ele junto, como é sair pra passear, você é responsável pelo banho? O que você faz durante a nap? - Pam
6. Um assunto que você pode abordar em um futuro post é a adaptação com o horário, HF, Host kids, costumes, etc ....  - Cristina Cecon
7. Você conversou sobre cursos com sua LCC?  - Cristina Cecon
8. Vc bem que podia fazer um post detalhando como foi a prova prática e teórica da DL, né?! - Cíntia Ferreira
9. Vc acha que sobre carro e falar com a atual AP, pergunto no primeiro skype ou espero o segundo?? - Raphaella Altruda
10. Uma coisa me chamou a atenção e eu preciso perguntar: Você falou que teus pais vão mandar o antineném pra você... Pelo que sei não pode mandar remédio pelo correio. Confere? Tu sabe algo diferente? - Tyara
11. Eu sempre vejo as meninas reclamarem do cabelo e da pele, voce acha que compensa levar hidratante para o corpo, e essas ampolas de hidratação para o cabelo? - Suellen
12. Estou pensando em ir, pela world study tbm, eu estava com duvidas, mas vc ja é a quarta menina que fala bem rsrs, e ai ta gostando mesmo??? e sobre os cursos de fotografia, ja começou? - Leticiamorrosp
13. Eu queria saber como era o seu inglês antes de vc ir?? ...tenho medo de ficar pra trás pq meu inglês não é bom sabe .. Eu estudo, estudo, mas ainda tenho dificuldades. Por outro lado, vejo que há várias familias que pegam meninas com o nivel básico. Me conta sobre o seu ingles e me dê uns toques por favor?? - Joyce Matozinho
14. Vi que vc namora gostaria se vc puder fazer um video sobre esse assunto como foi e como esta sendo.... iria adorar :D - carlalove1
15 - Você conversou com seus hosts sobre ficar na internet? rolou um pedido de permissão ou eles disseram algo?? - Pam
Compartilhar:
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

5 comentários:

Joyce Matozinho disse...

Oi Clauuuuu, Obrigada por responder minha pergunta!!! Eu tbm tenho um sério problema em ouvir o inglês, tanto que fiz meu ITEP ontem pela APIA e acho que reprovei (quase certeza), por conta disso!! Sou melhor no falar (mesmo que seja pouco) do que em ouvir!! Vou continuar estudando, mas ainda tenho receio de não conseguir passar de novo no teste, ou então, caso eu passe, de não conseguir fazer a entrevista no consulado. Mas, seja o que Deus quiser!! Obrigadaaaa viu!! Bjsss

Niil ♥ disse...

Ótimo post claaau !!!

brigada por responder minha pergunta la do wall pair... kkkkkkk

até q o preço não é tão salgado... mesmo sem promoção... aqui no Brasil é o olho da cara... enfim...

valeeu !!!

Bruh G. disse...

Aaamei o post!! Pra eu que estou quase embarcando, ler esse sobre o ingles, foi o melhor!!! =D bjss

Paula Pavlidis disse...

Que HF liindaa *-*

Beth disse...

Que fofa a sua host mesmo :) bom sentir que podemos ter um apoio caso precise.

eu morei um ano na holanda, mas como lá a língua é holandês, acabei não aprendendo tanto quando eu queria do inglês. mas vamos ver, espero aprender bem nos estados unidos :)

beijos!
sou a elisabeth do facebook.

Seguidores

Posts populares